APOIE A AGÊNCIA MURAL

Colabore com o nosso jornalismo independente feito pelas e para as periferias.

OU

MANDE UM PIX qrcode

Escaneie o qr code ou use a Chave pix:

30.200.721/0001-06

Agência de Jornalismo das periferias
Papo Reto No Zap

Vídeo combina informações falsas para criar narrativa homofóbica contra Bolsonaro

Material retoma boato de 2021 com imagens e áudios descontextualizados

Image

Por: Renan Cavalcante

Verificação

Publicado em 04.11.2022 | 12:08 | Alterado em 04.11.2022 | 12:08

Tempo de leitura: 2 min(s)
Esta verificação foi produzida em parceria com a Lupa e com apoio do WhatsApp WhatsApp_Logo_1

Circula em grupos de WhatsApp de Capão Redondo um vídeo de pouco mais de um minuto que afirma que uma mulher teria chamado o presidente Jair Bolsonaro (PL) de “noivinha do Aristides” e que, depois disso, teria sido presa. 

O vídeo também aponta que teriam sido encontradas novas provas no celular de Gustavo Bebianno, ex-ministro-chefe da Secretaria-Geral da presidência, morto em 2020, que confirmariam o caso entre os dois ― dando a entender que, entre as provas, estariam fotos de Bolsonaro e Aristides.

Confira a verificação:

O conteúdo analisado pelo Papo Reto no Zap é falso. O vídeo começa afirmando que, em 2021, uma mulher teria chamado o presidente Jair Bolsonaro (PL) de “noivinha do Aristides” e que, depois disso, teria sido presa, o que é falso.

A história começou com uma informação falsa publicada no Twitter de que uma mulher teria sido presa em Resende (RJ), depois de usar o xingamento homofóbico contra Bolsonaro. A fala foi negada pela mulher, mas o caso ganhou visibilidade nas redes sociais.

No vídeo, também aparece uma foto antiga de dois militares, aparentemente um casal, abraçados, e uma legenda identificando os dois como Bolsonaro e Aristides. A imagem já foi checada pela Lupa e mostra dois militares estadunidenses do acervo de fotos Homo History.

Logo em seguida, o material traz um print de uma reportagem com o título “Janones diz que está com celular de ex-ministro Bebianno: ‘Será apoteótico”’. A notícia foi publicada pelo jornal Estado de Minas e confirma o que foi dito por Bebianno no vídeo, mas não faz qualquer ligação com o suposto relacionamento de Bolsonaro.

Outra informação falsa divulgada pelo vídeo é a de uma matéria do R7 com o título “Mensagens em celular de Bebianno revelam o caso homossexual entre Bolsonaro e Aristides…”. A notícia não foi publicada pelo site R7.

O narrador ainda diz que a imagem da suposta matéria do R7, que mostra Bolsonaro e outro homem de sunga, seria de uma “orgia ocorrida no banheiro do exército”. A foto, na verdade, é de Jair Bolsonaro com o seu filho Carlos Bolsonaro.

O vídeo também tem um áudio em que Bolsonaro fala “ele não está apaixonado por mim não, mas está me namorando”. A gravação foi extraída de uma fala em 20 de maio de 2021, em que Bolsonaro se refere a Ciro Nogueira, ministro da Casa Civil, querer que ele volte para o Partido Progressista.

receba o melhor da mural no seu e-mail

Renan Cavalcante

Jornalista. Atualmente pós-graduando em Jornalismo de Dados, Automação e Data Storytelling. Correspondente do Jaraguá desde 2018.

Republique

A Agência Mural de Jornalismo das Periferias, uma organização sem fins lucrativos, tem como missão reduzir as lacunas de informação sobre as periferias da Grande São Paulo. Portanto queremos que nossas reportagens alcancem outras e novas audiências.

Se você quer saber como republicar nosso conteúdo, seja ele texto, foto, arte, vídeo, áudio, no seu meio, escreva pra gente.

Envie uma mensagem para [email protected]

Reportar erro

Quer informar a nossa redação sobre algum erro nesta matéria? Preencha o formulário abaixo.